Embora as medidas de distanciamento social ainda sejam a chave para a contenção do vírus, as interações digitais entre expositores e participantes terão um papel importante na reabertura da indústria da indústria dos eventos. Vamos mostrar como as tecnologias contactless e sem papel podem tornar os eventos ao vivo um sucesso e, simultaneamente, seguros e sustentáveis.

A pandemia aumentou a procura por soluções tecnológicas para eventos, as quais possibilitam que todas as partes envolvidas evitem tocar em papel, como normalmente acontece nos processos de check-in e controlo de acesso, ou simplesmente na troca de cartões de visita ou brochuras. Por exemplo, no caso específico das feiras de emprego, os currículos em papel são definitivamente um conceito do passado.

E se tudo o que o seu evento ao vivo precisa para dar a volta por cima for simplesmente um bom acesso à Internet e uma boa solução tecnológica para eventos que, de forma interativa, permita a transição das interações físicas para um formato digital? A prova está no facto de que, durante o período de confinamento causado pela COVID-19, os pagamentos através de tecnologia contactless mantiveram as economias a funcionar e continuam atualmente a ajudar as pessoas a reduzir o contacto com o vírus. Partindo deste pressuposto, o que impede a tecnologia de funcionar da mesma forma para a indústria dos eventos?

As interações contactless – como o reconhecimento facial, o uso de códigos QR ou a tecnologia de comunicação por campo de proximidade (NFC) – poderão certamente diminuir a probabilidade de propagação do vírus durante um evento. Este tipo de tecnologias alternativas têm efetivamente o poder de limitar as interações físicas e garantir a segurança para os eventos ao vivo.

Os eventos sem papel oferecem uma nova oportunidade aos organizadores para alcançar o sucesso

 
Durante anos ouvimos que a transformação digital iria banir as fotocopiadoras e os processos dependentes de papel, certo? Mas isso nunca aconteceu totalmente na indústria dos eventos, visto que as abordagens comerciais parecem ter uma espécie de dependência associada ao uso de papel. Agora, devido ao impacto do coronavírus na indústria dos eventos, há uma necessidade emergente de implementar tecnologias de interação contactless e sem papel. Uma vez que as pessoas estão a tornar-se cada vez mais preocupadas com a propagação de germes, permitir interações seguras pode ajudar os organizadores de eventos a recuperar a confiança de que precisam para voltar ao trabalho.

Este é o momento para todos entendermos a necessidade do uso de interações digitais. A tecnologia contactless e sem papel não é importante apenas para cumprir as condições e regras de segurança e saúde pública para a realização de eventos, mas também por questões de sustentabilidade. 

A adoção de medidas sustentáveis em eventos já não é apenas um nice-to-have. É um must-have!

 
Enquanto o mundo se concentra na redução do desperdício de plástico e um número crescente de pessoas luta por festivais de música com lixo zero, está na hora das exposições e outros grandes eventos “deixarem o lixo para trás”. Isto significa que não há melhor altura do que agora para os organizadores de eventos (re)considerarem o seu impacto no meio ambiente. A utilização de ferramentas sem papel na organização de um evento como um festival de música contribui ativamente para a redução da sua pegada de carbono. Imagine um festival de música e todo o desperdício que terá que limpar no final –  optando por implementar políticas sem papel, esse desperdício será significativamente menor.

A boa notícia é que a adoção de medidas sustentáveis em eventos não compromete a geração de leads – na verdade, oferece uma oportunidade muito mais eficiente de recolha e qualificação de leads em eventos ao vivo. Saiba como registar leads no seu próximo evento.

Fale connosco! Vamos mostrar-lhe como pode repensar os seus eventos.